Nega Maluca da Yuli

Há quase dois anos, publiquei a receita de Nega Maluca que a Yuli costuma preparar com muito garbo e formosura.  Como ontem ela comemorou seu aniversário, já em sua casinha nova mais para o Sul, e recebeu, ainda com voz de caverna, meu telefonema de feliz aniversário às oito e meia da madrugada, republico o post à guisa de singela homenagem à minha querida irmã que tem altura de freira*.

Ingredientes:

3 xícaras de trigo
2 xícaras de açúcar
1 xícara de chocolate em pó
3 ovos
1 xícara de óleo
1 xícara de água fervendo
3 colheres (de chá) de fermento em pó

Para a cobertura:
1 lata de leite condensado
3 colheres (de sopa) de chocolate em pó

chocolate granulado para polvilhar
margarina para untar a forma

Como fazer:
1.Ligue o forno a 200oC  para ir aquecendo enquanto você prepara a massa.

2. Unte uma forma com margarina e jogue um pouco de trigo por cima. Vá virando a forma para polvilhar o trigo por igual. Jogue fora o excesso.

3. Em uma tigela misture os ingredientes secos: o trigo, o açúcar e o chocolate em pó. Misture bem para não ficar nenhuma pedrinha de açúcar ou chocolate. Peneire todos eles juntos diretamente na tigela onde você vai bater a massa.
4. Coloque uma xícara de água para ferver.
3. Bata os três ovos com um garfo, só para juntar a clara e a gema e misture aos ingredientes secos, em seguida misture o óleo. Use uma colher de pau nessa hora, pois a massa vai estar um pouco difícil de mexer.
4. Quando a água estiver fervendo coloque-a na massa com cuidado, mexendo bem devagar até que fique uma mistura homogênea.
5. Acrescente o fermento e mexa bem. Despeje a massa na forma e leve ao forno que já está aquecido.
6. A massa leva em torno de 20 a 30 minutos para ficar pronta. Espete um palito e se ele sair sequinho pode tirá-la do forno.

Para fazer a cobertura:
1. Despeje a lata de leite condensado numa panela, acrescente o chocolate em pó (é interessante peneirá-lo pra não ficar cheio de bolotinhas) e leve ao fogo. Mexa sempre e desligue antes que fique em ponto de brigadeiro.
2. Fure a massa com um garfo e despeja a cobertura por cima. Por fim, jogue um pouco de chocolate granulado.

* Um belo dia na praia a mãe, sem mais nem menos, ao observar a Yuli passar pela sala, disparou: “Yuli, tu tens altura de freira!”

A gargalhada geral não nos deixou ouvir sua explicação sobre o comentário e a alcunha ‘altura de freira’ não só pegou como virou piada interna. :)



13 comentários em “Nega Maluca da Yuli

  1. heloisa

    muito bommmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Responder
  2. Yuli

    Ai ai ai… não só virou piada interna como meus amigos já utilizam o “adjetivo” para se referirem a minha pessoa.

    Agora de casa nova espero libertar a dadivosa que insiste em ficar presa em toda esta… altura de freira.

    Tão logo comece a ralizar algumas feitas comunicarei por aqui.

    Beijos
    Obrigada

    Responder
  3. Vicki

    Gatinha, saiba que essa tua receita (que eu peguei da outra vez) se tornou minha nega maluca oficial, suplantando a que eu tinha anotada no caderninho de receitas da aula de Técnicas Domésticas. Um beijo

    Responder
  4. Cláudia

    Esse bolo é muito bom, mesmo. Quando eu era adolescente, quando queria fazer um bolo, já pegava esse no caderno de minha mãe porque sempre dava certo. Saudades que deu!

    bjs

    Responder
  5. Vicki

    Gatinha, sonhei contigo essa noite. Sonhei que tu tinha ficado amiga do meu ex (o tal que me fez chorar na Liberdade, lembra dessa história?) e que eu estava muuuuuito chateada com isso… Meu deus, o que será que isso significa? =) Não sou psicopata, não te preocupa! ahahha! beijo

    Responder
  6. Muriel

    Olha, ontem revirei seu blog, com fome e vontade de cozinhar.

    Bah, faço essa receita a muito tempo. Muito já tomei café da manhã com essa nega maluca. Já fez nega maluca com cobertura de branquinho? É de não conseguir para de comer.

    Preciso de uma receita de Tiramisú, tu já fez?

    Beijo

    Responder
  7. Diogo

    Sabe que eu sempre fui muito mais do salgado do que do doce né. Mas cada vez que eu vejo um granulado desses, aflora em mim uma necessidade imediata de ingerir qualquer coisa açucarada…

    E é pra já!!

    Bjos

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Arquivos

Newsletter

Assine para receber no seu e-mail