Faca cega, dedos amolados

Passeando por esta panela, respinguei na cozinha de Um Carlos e duas Anas, onde o Leitor e a Leitora queridos encontram o delicioso texto sobre como amolar facas.

Diverti-me com a história do açougueiro espanhol e quase fico tentada a sair afiando tudo ao redor. Quase, pois o que me sobra de vontade e gosto ao cozinhar falta-me em destreza e cuidado com objetos cortantes. Sendo assim, para guardar aqui o registro das receitas e continuar a digitar os causos culinários, mantenho minhas facas propositalmente desprovidas de muito corte. Pois o lema em casa é ‘faca cega, dedos amolados’.

Publicado por Dadivosa em


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Arquivos

Post aleatório

Oito.

Newsletter

Assine para receber no seu e-mail